Quais foram as intenções originais de Saruman e como elas mudaram com o tempo?

17

A discussão desencadeada por esta questão levou a uma sugestão que eu abro uma pergunta separada em um assunto relacionado. Sauron começou bem, tornou-se mal, brevemente se arrependeu, o mal se espalhou. Saruman também começou como um bom rapaz, mas muito gradualmente virou-se para o lado negro, por assim dizer.

Eu conheço alguns dos fatores que contribuíram para seu lento declínio - o ciúme de Gandalf, aumentando gradualmente o egoísmo, a corrupção nas mãos de Sauron através do Palantir, e assim por diante. E eu sei - em parte por causa das respostas para esta questão - o que As intenções de Saruman foram durante os eventos de O Senhor dos Anéis : basicamente, ele queria fingir que era amigo de Sauron, enquanto fosse lucrativo fazê-lo, roubar o Anel, usá-lo para derrotar sua inimigos (incluindo Sauron) e, eventualmente, tomar o lugar de Sauron (que, quer fosse ou não essa a intenção de Saruman, automaticamente faria dele o pior vilão da Terra-média).

Mas eu sei pouco (além do que eu já mencionei acima) sobre quais eram suas intenções desde o tempo que ele veio para Arda até o momento em que Gandalf localizou o Um Anel, quão logo eles começaram a mudar e por quê.

Quais foram as intenções originais de Saruman, em quanto tempo ele começou a se desviar e o que começou esse processo?

    
por Wad Cheber 17.05.2015 / 00:37
fonte

2 respostas

17
A queda de Saruman parece ter surgido como resultado de seu estudo das obras de Sauron, e a percepção sutil de que suas habilidades (e a essência de seu poder) eram na verdade bem comparáveis às suas. No Silmarillion, Tolkien deixa bem claro que ele já estava corrompido na época do primeiro Concílio Branco, logo após a primeira derrota das forças de Sauron;

Then the White Council was summoned; and Mithrandir urged them to swift deeds, but Curunír [Saruman] spoke against him, and counselled them to wait yet and to watch. ‘For I believe not,’ said he, ‘that the One will ever be found again in Middle-earth. Into Anduin it fell, and long ago, I deem, it was rolled to the Sea. There it shall lie until the end, when all this world is broken and the deeps are removed.' Therefore naught was done at that time, though Elrond's heart misgave him ... Thus the Wise were troubled, but none as yet perceived that Curunír had turned to dark thoughts and was already a traitor in heart: for he desired that he and no other should find the Great Ring, so that he might wield it himself and order all the world to his will. Too long he had studied the ways of Sauron in hope to defeat him, and now he envied him as a rival rather than hated his works. And he deemed that the Ring, which was Sauron's, would seek for its master as he became manifest once more; but if he were driven out again, then it would lie hid. Therefore he was willing to play with peril and let Sauron be for a time, hoping by his craft to forestall both his friends and the Enemy, when the Ring should appear.

The Silmarillion; OF THE RINGS OF POWER AND THE THIRD AGE

    
por 17.05.2015 / 01:18
fonte
1

Como Valorum disse, a motivação e a queda de Saruman estão diretamente ligadas aos seus estudos sobre a Ring-lore. Apesar de ter originalmente estudado Ring-lore com as melhores intenções, seus estudos o corromperam e o levaram a um ponto em que ele acredita (corretamente, parece) que ele está perto de ser capaz de criar um Grande Anel por si mesmo, com que ele poderia desafiar até mesmo o portador do Um Anel.

Em seu Prefácio à Segunda Edição de "O Senhor dos Anéis", Tolkien descreve uma "história alternativa", isto é, o caminho que a história poderia ter tido se sua escrita do conto fosse influenciada pela Segunda Guerra Mundial. Embora Tolkien esteja descrevendo um "caminho não seguido" pela narrativa, ele ainda fornece uma visão relevante sobre o que Saruman, o personagem, teria feito em circunstâncias diferentes:

"The real war does not resemble the legendary war in its process or its conclusion. If it had inspired or directed the development of the legend, then certainly the Ring would have been seized and used against Sauron; he would not have been annihilated but enslaved, and Barad-dûr would not have been destroyed but occupied.

Saruman, failing to get possession of the Ring, would in the confusion and treacheries of the time have found in Mordor the missing links in his own researches into Ring-lore, and before long he would have made a Great Ring of his own with which to challenge the self-styled Ruler of Middle-earth. In that conflict both sides would have held hobbits in hatred and contempt: they would not long have survived even as slaves."

    
por 17.12.2016 / 04:43
fonte